Assessoria e Cerimonial

Av. Prefº Jonas Banks Leite, 776 - centro - Registro - SP / E-mail: danisotsu@uol.com.br - Telefone: (013) 3822 4848

Você já contratou o seu cerimonial?

O cerimonial cuida do grande dia do anfitrião, sejam eles, noivos, aniversariantes, formandos ou simplesmente uma pessoa que tem um bom motivo para comemorar. Cada detalhe , cada contrato, tudo é planejado com muito carinho para que ocorra da maneira esperada. O rico mundo dos eventos é composto de uma infinidade de detalhes e aqui eu pretendo dar algumas dicas pra você que vai realizar um sonho, pra você que vai fazer uma festinha em casa e até mesmo pra você que só quer saber como se comportar em um evento.

28 de abr de 2010

Trash the dress

Você já ouviu falar no “Trash the dress”?

Os casais ávidos por novidades estão apaixonados por esse novo estilo de fotos. Numa tradução não literal seria algo como “acabar com o vestido”, “vestido no lixo” ou algo neste sentido. Mas, diferente do seu significado, as sessões fotográficas de Trash the dress possuem um resultado surpreendente e encantam noivos e noivas.

 A proposta é simples: “Fotografia, ousadia e arte”. Fotografar a noiva (ou o casal) em lugares inusitados, onde normalmente ela jamais iria com seu vestido, sem medo de detoná-lo. O propósito disso é realizar um ensaio fotográfico diferenciado, dias depois da cerimônia, com a idéia de contrastar a elegância do vestido de noiva com ambientes inusitados e fora do padrão, como cenários exóticos e rústicos. Ou seja, fotografar onde uma noiva nem pensaria em ir com o seu lindo vestido branco. Geralmente, as noivas decidem fazer estas fotos na praia, mas os cenários são ilimitados: ruas da cidade, monumentos abandonados, telhados de edifícios, prédios abandonados, ferro-velhos, depósitos, pontes, florestas, fazendas, riachos, praias, cachoeiras, montanhas, plantações, parques, bosques, ruínas, entre outros, costumam resultar em fotos incríveis que os noivos não conseguiriam no estúdio ou em cenários mais tradicionais. O local escolhido para o ensaio deve permitir, de preferência, ambientes variados e inusitados. Uma praia com mata, por exemplo, ou uma fábrica abandonada com um lago por perto. O elemento água é importante, pois, em geral, o “Trash the Dress” termina com o vestido molhado. O ideal é justamente não fazer em um lugar bonitinho, como um caminho de flores, uma fazendinha com cerquinha. Não! Definitivamente não! Aqui a proposta são fotos no mato, com árvores caídas e folhas secas.

O fotógrafo catarinese Anderson Miranda é o pioneiro desse tipo de ensaio fotográfico aqui no Brasil, e tem a seguinte proposta: Por que deixar seu vestido de noiva estragando no armário? Por que não fazer lindas fotos e tê-las para sempre como bela recordação de um momento mais que especial? Que tal fazer um belo ensaio fotográfico depois do casamento, em uma locação exótica, sem medo de estragar seu vestido? A proposta do Trash The Dress é ousar, colocar seu vestido em risco! A ideia é não se preocupar com o estado que o vestido de noiva vai ficar, mas se estragar o vestido de noiva parece impensável para você, dependendo do ensaio que você fizer, o vestido pode ficar apenas molhado ou sujo, e não necessariamente detonado.

A sessão normalmente acontece depois do casamento, porque o casal já está mais relaxado e até mais inspirado e isso fica visível nas imagens muito mais espontâneas. É a hora que o casal está com a aquela sensação de que podem fazer tudo que não puderam fazer no grande dia. Aí estão livres para deitar no chão, rolar na grama, caminhar na lama de pés descalços, mergulhar na água. E o resultado de tanta liberdade é maravilhoso!

Como nos books de praia ou de campo, para o ensaio do Trash the dress funcionar com naturalidade, exige uma certa ousadia tanto da noiva quanto do noivo, pois quem topa fazer o ensaio precisa estar disposto a se soltar. Pois, mais que um complemento às fotos do casamento, o Trash The Dress é um momento de descontração e cumplicidade do casal.

Para que sua sessão de Trash the dress saia perfeita, segue algumas dicas especiais:

- Deixe claro para o fotógrafo que estilo de fotos vocês preferem. Sensuais? Romântica? Ousadas? Inusitadas? O importante é se divertir e ficar bem a vontade nessa sessão.

- Se você não é aventureira e não se sentir a vontade com o tipo de foto e local escolhido, é melhor nem arriscar, pois a falta de naturalidade ficará muito clara nas fotos. Opte pelo book mais tradicional.

- Dependendo do local escolhido e do estilo de fotos que a noiva escolher, o vestido poderá voltar apenas sujo ou praticamente destruído. Se o vestido for alugado, é importante deixar bem claro no contrato que participará de uma sessão de trash the dress. Diferente dos clips de praia tradicionais, a idéia é que a sessão seja feita após o casamento e com o próprio vestido do casamento.

- Lembre-se que se você entrar no mar, você deve usar uma maquiagem a prova d’água. Se a sessão de fotos for em uma mata, plantação ou fazenda, não esqueça de levar repelente de insetos.

- Façam primeiro as fotos menos ousadas, e em locais secos. Deixe os locais molhados e fotos mais aventureiras para o final da sessão.

- Lembre-se que os locais escolhidos para esse tipo de sessão normalmente são ermos e sem estrutura. Por isso, preparem suprimentos de água e lanches para vocês e a equipe que vai acompanhá-los. Além disso, levem roupas secas e calçados para trocar no final.

Mas, a dica principal é ficar a vontade e se divertir. O entrosamento entre o casal e com o espaço é que vai refletir em belíssimas fotos!

No site www.trashthedress.com.br você poderá apreciar as fotos de Anderson Miranda, renomado fotógrafo de casamentos, premiado internacionalmente, precursor do Trash the dress no Brasil, com trabalhos realizados aqui e na Europa. Suas imagens reúnem bom gosto, arte e descontração em locações especiais e inusitadas escolhidas juntamente com o casal. confiram algumas fotos:











Beijinhosss
Dani

26 de abr de 2010

A hora dos cumprimentos

     
    Olá meninas!!! Hoje o assunto é a hora dos cumprimentos, pois nem sempre o que você viu na cerimônia de casamento de outra pessoa poderá ser feito no seu.
     Existem diversas maneiras da realização dos cumprimentos, inclusive, dando pequenas lembrancinhas para cada casal de padrinhos. A forma mais apropriada para a hora dos seus cumprimentos vai ser  recomendada pelo seu cerimnial, pois vai variar em função do número de padrinhos, disposição física do altar e tempo disponível para a cerimônia. Tudo tem que ser cuidadosamente avaliado, o dia do sensaio é ótimo para definir esse momento.
    Mas se vc for fazer os cumprimentos, quem cumprimentar primeiro?
   A regra diz que a noiva inicie o cumprimento pelos pais e padrinhos do noivo, e o noivo pelos da noiva, todavia, isto pode ser modificado, não é uma regra rígida, eu indico que seja assim porque tanto para a noiva como para o noivo o momento onde mais há emoção é no cumprimento dos pais, então é interessante que esses sejão os últimos, pois normalmente o abraço é mais demorado e não raras vezes vemacompanha de algumas lágrimas.
   Na hora dos cumprimentos evite que alguém (a não ser fotógrafos e cinegrafistas) fiquem arrumando o seu vestido, mesmo no altar. Se a cauda for grande, durante os cumprimentos, enrole-a no braço e se movimente livremente.
   Outro dia uma noiva me disse que foram perguntar a ela porque eu não fui até o altar arrumar o vestido dela...imagina só a cena...afff...melhor não imaginar.
    Cerimonialista que tenta arrumar vestido da noiva pode tirar o brilho da cerimônia, e aparecer de "Robert" nas fotos, como também pode ser um pequeno caos para a movimentação de todos.
     Por hoje é isso!!!

Beijinhos
Dani 

23 de abr de 2010

Licença para casar

Olá meninas, vocês que vão se casar e trabalham em serviço assalariado, tem o direito de tirar uma folguinha para a lua de mel SIM!!!!


A lei coloca que as pessoas tem o direito de tirar 3 dias consecutivos de licença no caso de casamento, mas se você e o seu noivo pretendem estender a sua lua de mel por mais tempo é preciso fazer um acordo com a empresa para que ninguém saia prejudicado, pois os dias além dos 3 de direito a empresa pode descontar do salário de vocês ou através de acordo fazer com que esses dias sejam compensados nas férias.

Licença casamento é de direto do noivo e da noiva. Por isso é muito importante comunicar a empresa até mesmo antes de marcar a data do casamento, sendo assim a empresa já fica avisada e tomará as providências necessárias para que nenhum dos dois, você e ela, sejam prejudicadas.

Alguns sindicatos e empresas adotam normas diferentes, por isso procure o departamento de RH da sua empresa e se informe direitinho, alguns servidores públicos tem a até 8 dias de licença para o casamento.

Espero ter ajudado!!

Beijinhos..

Dani

22 de abr de 2010

Balinhas personalizadas


Hoje eu vi umas balinhas tão bonitinhas que dava até dó de abrir o pacotinho.
Imagina só quando o seu convidado que já estava achando a sua festa linda e perfeita ainda encontrar no meio de tantos detalhezinhos do seu casamento umas balinhas personalizadas? ele vai amar!!!! e um bom lugar para deixá-las é nos banheiros, próximas áquela cestinha toda delicada que vc prepara para os primeiros socorros com agulha, linha, absorventes, remédio pra dor de cabeça, elastiquinhos de cabelo, antiácidos,...etc....
Pra quem está aqui no Vale do Ribeira minha dica é a Poly Service, a proprietária Polyana monta a embalagem personalizada pra vc, fica uma graça e nao sai caro.

Beijinhos
Dani

15 de abr de 2010

Preparar um casamento a distancia, é possível?

Olá meninas!!! Algumas de vocês devem dar Graças a Deus por morar na mesma cidade em que vai casar, mas nem todas passam por isso, muitas noivinhas moram em outras cidades ou até mesmo países e aí vem a pergunta....Preparar um casamento à distância, é possível?

Sim, com o apoio de sua família e a assessoria de um cerimonialista você consegue preparar seu casamento com bastante tranqüilidade, quer dizer, depende do seu jeitinho, conheço noivas que nem olhando tudo de pertinho ficam calmas.

A primeira etapa é escolher a data do casamento e depois definir o local da cerimônia e da festa. O ideal é reservar e fechar contrato com fornecedores que precisam estar presentes no dia do seu casamento: cerimonialista, buffet, fotógrafo, cinegrafista, maquiador, decorador, músicos da cerimônia , DJ e o celebrante é claro!!

Anote as dicas:

-Ter o apoio de toda sua família e contar com a ajuda deles para que sejam seus olhos enquanto você estiver distante.
-Planejar tudo com antecedência. Definir quantas vezes você virá ao local da cerimônia e já deixar reuniões pré-agendadas.
-Contratar profissionais que estejam disponíveis para você por telefone, e-mail, skype, msn, orkut, twitter, facebook. Até porque, a idéia é que você mantenha contato constante enquanto estiver distante.
- Fazer "reuniões" on line com a sua cerimonialista, cronogramas e atualizações do que está sendo visto e o que falta resolver.
- Ser organizada é muito importante! Faça uma pastinha com todos os contratos, orçamentos e arquive seus e-mails.
- Ter calma e tentar não ficar ansiosa. Lembre-se que você terá pessoas de confiança te ajudando por aqui.

E por último aproveitar ao máximo os preparativos do casamento mesmo estando a distancia.

Beijinhos,

Dani

11 de abr de 2010

Bolinhos para levar

Meninas!!! Vou contar uma coisinha pra vcs, eu sempre levo um pedaço de bolo de aniversário pra casa quando vou em alguma festa na casa das minhas amigas, claro!! jamais faria isso em uma festa de casamento...JAMAIS...NÃO, hoje mudei de idéia,  fuçando as novidades de casamento, encontrei algo super charmoso, fiquei encantada, são os pedaços de bolo para levar , o quê? vc acha que isso é feio, feio seria pedir para levar um pedaço do bolo em um guarnapinho, mas pense na alegria do seu convidado quando no outro dia ver aquele pedaço de bolo que ele não comeu na noite anterior o aguardando para o café da manhã em uma linda embalagem? ....olhem que lindos, eles podem ser em pedaços ou mini bolos em caixinhas.

 
 
 

Bjs
Dani

O que dar de lembrança para os padrinhos?

Sempre me perguntam o que seria legal dar de lembrança para os padrinhos no dia do casamento, mas é legal as noivas saberem que essa lembrança diferente não é obrigatória, ela é um carinho a mais para as pessoas que vocês escolheram para ser seus padrinhos, que na maioria das vezes são pessoas que estão próximas ao casal durante todo o tempo dos preparativos do evento ou que de alguma outra forma participaram da vida do casal.

Mas como escolher esse presente?

Tente partir do principio que a lembrança tenha a ver com o jeitinho do casal e ligado a isso ao perfil dos padrinhos também, por exemplo, você não daria uma garrafa de vinho de presente a quem não bebe.
Veja na sua lista de padrinhos quantos casais são casados e quantos são solteiros. Para os casados você pode entregar um presente em comum e para os solteiros individuais. Os presentinhos tem valores muito diferenciados de acordo com o que você pretende, vou citar alguns exemplos e  vamos dividi-los como uma colega cerimonialista denomina, em mais chiquetosos e mais acessíveis.

Padrinhos casados
Mais chiquetosa - Castiçais; taças de cristal junto com um mini prosecco dentro de uma linda caixa.
Mais acessível - um conjunto de canecas personalizadas ou um mini bolo.

Para homens
Mais chiquetosa: uma caneta legal, um abridor de vinho, a gravata para usar no casamento.
Mais acessível: Uma mini garrafa de prosecco.

Para mulheres
Mais chiquetosa: uma jóia, uma caixinha de prata com um bem casado dentro.
Mais acessível: um mini bolo, uma caixinha delicada com alguns docinhos do casamento.

Dicas:

• A hora das fotos com padrinhos e madrinhas é um bom momento para entregar as lembranças.
• Seja o presente que for, independente do preço, capriche! E se possível coloque junto ao presente um cartão agradecendo por todo carinho.

Está na moda presentear padrinhos e madrinhas com mini bolo. É uma lembrança bem bonitinha e de certa forma acessível.




Beijinho

Dani

8 de abr de 2010

Dicas na hora de contratar os serviços.


Olá meninas!!! o assunto hoje é dimdim, poucas noivas podem escolher o que quiser sem se preocupar com o preço, independente do estilo de casamento escolhido o ideal é sempre que o orçamento saia dentro das suas expectativas, escolham empresas da sua confiança ou que vocês já tenham boas referências e a partir daí sim , pode-se começar a barganhar o preço entre elas, até fechar com a que realmente vale a pena, as vezes paga-se um pouquinho mais por um produto que tem uma qualidade muito melhor, nesses caso é normal que você não contrate o mais barato, se você não tem uma amiga próxima ou alguém da família para te ajudar a selecionar essas empresas, peça dicas a sua cerimonialista, ela já tem experiência e pode te ajudar,

Anote algumas dicas:
- Evite falar muito sobre sua vida pessoal quando for fazer um orçamento, algumas empresas não usam tabelas, principalmente no interior, elas fazem o orçamento pela pessoa e não pelo trabalho contratado.
- Só pague o valor total do contrato á vista se tiver um bom desconto, caso contrário deixe para quitar após a prestação do serviço ou no dia da entrega do produto.
- Procure ver pessoalmente o trabalho da empresa contratada.
- Leia bem os contratos antes de assinar, inclusive as letrinhas miudinhas, leve-o pra casa e analise com calma,  alguns contratos camuflam situações que podem te deixar de mãos atadas com a empresa.
- Só feche com a primeira empresa a fazer orçamento se realmente tiver muita certeza do que quer, muitas vezes por empolgação se faz mau negócio.
- E a dica principal, jamais, jamais, jamais, contrate uma empresa sem ter o orçamento dela em mãos, você pode ter uma "grande" surpresa n hora de pagar as contas.

Beijinhosssss

Dani


7 de abr de 2010

As linda florzinha gipsofila

Hoje fui fazer um orçamento de decoração e fiquei encantada com as gipsofilas, também conhecidas como mosquitinhos, elas estavam lindas e então descobri que embora elas estejam presentes nos mercados de flores durante todo o ano, agora é a época delas e aproveitando isso as coloquei como base de toda a decoração, embora sejam pequeninas quando estão em boa quantidade elas tem um efeito fantástico, pricipalmente unidas a luzes e velas, se inspirem com algumas fotos que colhi pra vcs!







Beijinhos meninas!!!

Dani





6 de abr de 2010

Inspiração para a entrada das alianças

Sem dúvida nenhuma as alianças fazem parte de um dos momentos mais bonitos da cerimônia, não é atoa que ela tem lugar de destaque e alguém que entre somente para carregá-las, mas tenho certeza que na maioria dos casamentos que você já foi as alianças entraram em uma almofadinha branca de cetim ou numa mini cestinha resvestida de pano, não é? Pois bem, apartir de agora você vai começar a ver as alianças entrando de outro modo e para você se inspirar, aqui vão alguns modelinhos...

As tradicionais almofadinhas podem ganhar um pouco da sua  personalidade com tecidos ou flores....

E porque não um delicado pratinho de cerâmica, onde vc pode escrever o que quiser?


Mas se você procura algo mais rústico e natural, essas opções vão fazer você se apaixonar...




As bonequinhas estão super em alta, são delicadas e podem ser feitas até com o vestido igual ao da dama de honra.....


Quer algo mais dívertido, então vai um exemplo de bisqui...


Agora se você tem um melhor amigo super comportado e confiável, aí sem dúvidas essa opção é surpreendente...


Acho que agora você está repensando onde vão suas alianças né?

Beijinhos
Dani